Gestora de US$ 7,2 trilhões em ativos abre portas às criptomoedas

Além da expectativa por um ETF do Bitcoin, o mercado aguarda ansiosamente a entrada de investidores institucionais no segmento de criptomoedas. Ambos os movimentos podem disparar para cima o preço do BTC.

“Em nossas conversas com instituições, eles nos dizem que, para se envolver com ativos digitais de maneira significativa, eles precisam de um provedor confiável para entrar nesse mercado. Essas instituições exigem um nível sofisticado de serviço e segurança, igual à experiência que se está acostumado a negociar ações ou títulos”, analisa Tom Jessup, líder da nova divisão da Fidelity Investments, durante evento da Bloomberg.

Diante deste cenário, a Fidelity, gestora de mais de US$ 7,2 trilhões em ativos de clientes, abriu as portas para receber investidores corporativos que queiram aplicar em criptomoedas, criando uma plataforma de comércio e armazenamento desses ativos.

Em comunicado à imprensa, a Fidelity afirma que irá oferecer custódia institucional, execução comercial e serviço dedicado ao cliente. Com isso, espera tornar as moedas virtuais mais acessíveis a esse grupo.

Leave a Reply

Your email address will not be published.

*

arrow_upward
en_USEnglish