CEO da Tesla apoia candidato pró-Bitcoin nos Estados Unidos

Não é novidade que muitos governos ao redor do mundo olham bastante feio para o Bitcoin. Eles veem, na criptomoeda, uma espécie de ameaça que poderia acabar com todo o sistema financeiro – conturbado muitas vezes – geridos por eles mesmos.

Nos Estados Unidos, Donald Trump já se mostrou contrário às criptomoedas em diversas vezes e, mais recentemente, as críticas começaram a se intensificar, gerando atritos entre seus próprios funcionários.

Com as eleições presidenciais nos EUA, em 2020, se aproximando, novos interessados em ocupar a sala principal da Casa Branca começam a surgir e apresentar suas ideias para observar as aprovações dentro do partido.

Um desses candidatos é Andrew Yang. Um dos possíveis candidatos à presidência pelos Democratas, Yang disse ser a favor de uma regulação das criptomoedas, desde que benéfica ao mercado.

Embora nada ainda esteja definido sobre sua candidatura, Yang recebeu um apoio bastante forte, do CEO da Tesla Motors e um dos homens mais ricos do mundo, Elon Musk. O empresário, em outras ocasiões, afirmou que o Bitcoin é “brilhante” e que o papel-moeda está pela hora da morte.

O apoio ao candidato dos Democratas por Musk foi dado via Twitter. Na rede social, Yang e um usuário discutiram. Elon Musk entrou na briga de forma direta e sucinta, dizendo: “I support Yang” – “Eu apoio Yang”, em tradução livre.

Antes de ser oficializado, Andrew Yang deverá passar por um debate dentro do partido com outros sete concorrentes ao direito de disputar as eleições presidenciais pelos Democratas já em setembro de 2019.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

arrow_upward
pt_BRPortuguês do Brasil