Varejista japonesa troca pontos da loja por criptomoedas

Lojistas tentaram fidelizar seus clientes oferecendo um programa de pontos. Com ele, você compra um produto, ganha um determinado número de pontos de acordo com o valor gasto e, no futuro, pode trocar por produtos da loja. Só que, em muitos casos, esses produtos são bem ‘furrebas’. Você precisa gastar, às vezes, R$ 1 mil para juntar 1 milhão de pontos e trocar por um porta-retrato ou uma torradeira. Em outras situações, os pontos expiram ou não acumulam, deixando o cliente frustrado.

A gigante varejista japonesa Rakuten percebeu que esse programa de pontos não satisfazia o interesse de boa parte dos clientes e uniu a loja com a sua exchange de criptomoedas para uma promoção bastante interessante.

Segundo o comunicado da empresa, os clientes que tiverem conta na Rakuten Wallet, exchange da empresa, poderão trocar seus Rakuten Super Points – como são chamados os pontos da loja – por três criptomoedas diferentes: Bitcoin, Bitcoin Cash e Ethereum.

A ideia do programa é atender uma necessidade dos clientes e facilitar a entrada das pessoas no mercado das moedas digitais. “Além disso, o serviço também aumenta a variedade de usos para os Rakuten Super Points em todo o ecossistema de serviços do Grupo Rakuten, tornando o programa de afiliação à Rakuten ainda mais atraente e conveniente”, diz o anúncio.

Com isso, aquele pontinho mequetrefe que não pode ser trocado por nada, passa a ser uma fonte de investimento e rentabilidade muito interessante e abre uma nova possibilidade a este mercado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

arrow_upward
pt_BRPortuguês do Brasil